Biografia de Laurentino Gomes

Autor do best-seller "1808", que ganhou o Jabuti, considerado o mais tradicional prêmio de literatura do Brasil.

laurentino gomesOrigem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Laurentino Gomes (Maringá, 1956) é um jornalista e escritor brasileiro. É mais conhecido pela autoria do best-seller 1808 - Como uma rainha louca, um príncipe medroso e uma corte corrupta enganaram Napoleão e mudaram a História de Portugal e do Brasil, onde narra a chegada da corte portuguesa ao Brasil. Em 2008, o livro recebeu o prêmio de melhor livro de ensaio da Academia Brasileira de Letras e o Prêmio Jabuti de Literatura na categoria de livro-reportagem e de livro do ano de não-ficção [1][2].

Formou-se em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná, possui pós-graduação em Administração de Empresas pela Universidade de São Paulo, e fez cursos na Universidade de Cambridge, na Inglaterra, e na Universidade de Vanderbilt, nos Estados Unidos da América.

Trabalhou como repórter e editor para vários órgãos de comunicação do Brasil, incluindo o jornal O Estado de S. Paulo e a revista Veja.[3]

Em 2008, a Revista Época elegeu Laurentino Gomes uma das 100 pessoas mais influentes do ano, pelo mérito de conseguir vender mais de meio milhão de exemplares de livro de história do Brasil. [4]

É casado com a jornalista e psicóloga Mara Ziravello e vive desde 1988 em São Paulo.[5]

Referências

1. ↑ Mikevis, Dayanne. "Surpreso, Loyola Brandão recebe Jabuti de livro do ano de ficção". Folha Online. 31 de outubro de 2008.
2. ↑ Clic RBS - 54ª Feira do Livro de Porto Alegre
3. ↑ Site do autor, Acessado em 24 de dezembro de 2008.
4. ↑ Redação Época, Laurentino Gomes, por Lilia Schwarcz, Revista Época, 05 de dezembro de 2008
5. ↑ Guaracy, Thales. "Os Paulistanos de 2008", Revista Veja, Caderno Veja São Paulo, 17 de dezembro de 2008.

Veja também: Laurentino Gomes (site: Laurentino Gomes)

Entrevista com Laurentino Gomes no Jornal da Cultura

Nenhum comentário:

Sites interessantes